Translate

sábado, 17 de outubro de 2015

Argentina e o exemplo das Radios Comunitárias

A realidade é outra na Argentina onde os meios de comunicação estão agora serviço das comunidades onde se inserem. Na verdade foi uma verdadeira revolução aquela que se iniciou em 2009 com a aprovação da Lei dos Media. 

A democratização dos meios de comunicação, principalmente com a criação e desenvolvimento das rádios comunitárias é uma das novidades a que se dá grande atenção no Brasil e nos demais países latino-americanos.  É uma conquista enorme esta de permitir que se ouça a voz das comunidades, das pessoas, das instituições locais, outrora ignoradas e maltratadas no quadro de um sistema em que o mercado dita as leis e os senhores do dinheiro as regras. 
A contestação, os protestos, a contra-informação deitou por terra o monopólio dos grandes grupos de comunicação e estabeleceu novas regras permitindo um máximo de 24 licenças de TV no cabo e 10 licenças de serviços abertos contando com a TV e rádios em AM e FM. E tudo graças à presidente Cristina Kirchner e aos representantes do povo argentino que soube levar de vencida esta batalha.
A nova Lei dos Media, permitiu a criação de qualquer coisa como 152 rádios comunitárias em escolas de primeiro e segundo grau, ainda 45 Televisões e  53 rádios em Frequência Modelada (FM) universitárias.
A esta panóplia de novas vozes se junta o primeiro canal da TV bem como 33 canais de radio ligados aos povos indígenas. Mas as medidas no quadro desta legislação trouxeram grandes e boas novidades como a da TV pública argentina adquirir os direitos de transmissão dos jogos de futebol e a democratização do acesso dos clubes, conquistando a estação a audiência popular.
O exemplo da Argentina que muito se deve à postura da Presidente Kirchner é agora alvo de estudo e análise em diferentes países desta área do globo, onde pese embora as dificuldades e limitações continuam a dar sinais de força e organização as comunidades apostadas em dar voz às rádios comunitárias num movimento que levará o seu tempo mas será certamente imparável e exitoso, quer exista ou não lei favorável a esta realidade.

domingo, 11 de outubro de 2015

Bloggers europeus e brasileiros à descoberta do Porto

Existe uma primeira vez, para tudo na vida... A oportunidade de uma segunda é sempre geradora de grande expectativa ! E num quadro de normalidade outras se seguirão com idênticos objectivos ou por vezes reforçados ou mais ambiciosos, maior afinco, com desafios acrescidos...melhor organizados, tendo por base a experiência, os ensinamentos adquiridos, a partilha de ideias.
Ora tudo isto a propósito da realização do «Encontro Europeu de Bloggers /Blogueiros brasileiros com maior ênfase e cuja realização vai acontecer em novembro próximo, na cidade do Porto.
O II Encontro Europeu de Bloggers/Blogueiros Brasileiros, organizado pela blogger Rita Branco de "o Porto encanta" e que a cidade invicta acolhe, ganha forma a cada dia que passa com a certeza de que não serão apenas e só, os blogueiros brasileiros a marcar presença na iniciativa mas de muitos outros provenientes de outras cidades europeias.

«É um orgulho para mim, receber estes colegas, para alargamos a nossa troca de experiências e mostrar porque é que o Porto... encanta!» manifesta Rita Branco a blogger que trocou o Brasil pela capital nortenha. Este encontro o segundo do género, constituirá uma oportunidade de mostrar para o Brasil e para o mundo, em geral a cidade mais charmosa de Portugal» acrescenta a blogger e promotora da iniciativa.  A ideia destes encontros surgiu de um grupo de bloggers ou blogueiros, como são chamados no Brasil, que queriam passar dos contactos virtuais para o mundo real. E assim aconteceu, pela primeira vez, em outubro do ano passado, em Barcelona. "Cristina Rosa" uma blogger da vizinha Espanha, "trabalhou afincadamente durante dois meses e conseguiu em tempo record" não apenas organizar esta acção "considerada por todos um sucesso" ao conseguir reunir umas boas dezenas de bloggers, em périplo por essa maravilhosa cidade - Barcelona. Foi uma troca de experiências riquíssima e a possibilidade de adquirir novos conhecimentos, de conhecer ou revisitar e aprofundar o contacto com a cidade anfitriã, confirma Rita Branco. 

«É com os mesmo intuitos que se vai desenvolver este II Encontro,  no Porto. E depois da óptima guia que foi Cristina Rosa» do blog "Sol de Barcelona", «ao mostrar segredos, cantos e encantos de Barcelona... o testemunho passou para as minhas mãos» vinca Rita Branco, uma brasileira encantada com "o Porto" que já conta mais de 10 meses num rodopio em busca de parceiros e apoios para a concretização desta magna, interessante e oportuna acção que só vem confirmar as razões pelos quais  "oPortoencanta".

 II Encontro Europeu de Bloggers 
cidade do Porto, 14 e 15 novembro 2015

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

América latina não para de surpreender com sua música ...



É costume dizer-se porque, não deixa de ser uma verdade constatável, que a música mexe...e muito e com todos, independentemente dos gostos, das origens, das idades e do posicionamento na sociedade. No caso da América Latina, é claro reafirma-se e vamos de seguida saber como, porquê e quem são os protagonistas destes abanões no quotidiano!

Jarabe de Palo edita, assinalando quase 20 anos de carrera, o seu primeiro CD/DVD ao  vivo. A banda de pop/rock latino nascida em Barcelona, nos anos 90 e liderada por Pau Donés, cantor e guitarrista lança el " TOUR AMERICANO 14-15 ", material inédito, gravado durante um concerto datado de 6 de mayo de 2014, tendo por cenário el Teatro Metropólitan de México. São ao todo 18 canções do repertório de Jarabe de Palo, desde as iniciais aos temas mais recentes e marcantes na vida do grupo. Ah e qual "regalito" para os fãs além das imagens do concerto, de uma entrevista do líder ainda um inédito testemunho fotográfico das vivências de Jarabe de Palo, por tierras americanas entre 2014 y 2015...Um marco sem dúvida na carreira do cantor e do grupo que lidera. 
Ah e por falar em "Tour Americano 14-15", nem sempre tudo corre de feição e daí ter sido anunciado estar suspensa a "Gira por terras de Tio Sam", que deveria contemplar mais de cinco dezenas de concertos, tanto a norte como no sul dos States, num périplo agendado entre outubro deste ano e março de 2016. 
Após vários concertos em Espanha e Perú, "cantando e dando saltos como loco" refere o líder da banda, nada faria prever um interregno deste ciclo de êxito e logo com tal dimensão e por razões de saúde.
"Teníamos planes. ¡Y muy buenos!..pero tampoco pasa nada!. Si todo va bien, volveremos en 2017 con buenos proyectos. Asi compartimos con vosotros: El CD/DVD TOUR AMERICANO 2014-2015...!

 Las nuevas Rancheras 
...E bem a propósito de Estados Unidos, dizer que por lá (em Nova York ) nasceu faz um tempinho, mas que agora se dá a conhecer fora de portas e muito por força da sua nomeação para os "Latin Grammy" deste ano, a primeira banda feminina de Mariachi, baptizada de MARIACHI FLOR de TOLOACHE. E se o facto de ser a primeira banda feminina deste género constitui novidade, não deixa de ser igualmente surpreendente a constituição deste grupo com base em membros americo-latino- siáticos. Sim, constituida com elementos femininos de origens diversas desde os United States of America, Puerto Rico, Singapure, Republica Dominicana, Italia, Cuba, Colâmbia e claro o México que serve de inspiração musical a estas 13 jovens: Mireya Ramos, Shae Fiol, Julie Acosta, Jacquelene Acevedo, Luisa Bastidas, Anna Garcia, Jackie Coleman, Domenica Fossati, Blanca Gonzalez, Marilyn Castillo, Mariana Osorio A, Lisa Dowling e Vaneza Calderon. Quanto ao futuro ele vai seguramente passar pela categoria de "Melhor Album de Música Ranchera" titulo que pretendem conquistar e fazer história com apenas 7 anos de existência. A ver vamos se 2015 será o tempo destas "Rancheras" !
 
"Todo tiene su hora" anuncia Juan Luis Guerra Seijas nascido a 7 de junio de 1957 en Santo Domingo e que é conhecido apenas como Juan Luis Guerra. O popular cantautor, compositor e produtor musical dominicano, que já vendeu mais de 20 millones de discos e ganhou numerosos prémios durante a sua carreira, incluindo 15 Grammy Latinos, dos Grammy norteamericanos e dos Premios Latin Billboard está outra vez na colorida e concorrida Gala que Las Vegas realiza e emite para todo o mundo. Nesta "Guerra" musical e depois dos 3 Grammy Latinos en 2010, um dos quais como Álbum del Año a que seguiria 2012, onde o cantautor arrebatou o Grammy Latino como Productor del Año, Juan Luis Guerra y los 4.40 estão no tempo certo de mais um êxito que constitui este dançável trabalho.


Num tempo em que o México continua sob as maiores atenções (nem sempre pelas melhores razões), uma mensagem surge, via a boa música dessa grande senhora e cantante que é Lila Downs. Verdadeiro ícone do México mas também de toda a América Latina, tal a sua postura face às tradições, à vida e aos direitos dos cidadãos, num mundo de contradições Lila Downs volta a surpreender com este seu novo e maravilhoso trabalho que é além do mais contagiante, apetecível, oportuno e sugestivo até pelo próprio título - "BALAS Y Chocolate ..." com que Lila Downs nos presenteia.  E quer sejam conhecedores ou fãs de longa data "nos quedamos ahora" a meditar com aquele que é um dos sérios  candidatos aos Latin Grammy deste ano na categoria de "Melhor Album Folclórico" ! Vamo a escuchar-lo!

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Chapulines ou as tradições mexicanas em portugal

Nasceu, cresce e mostra-se a pouco e pouco no luso território uma formação folclórica com o México como pano de fundo. E com objectivos definidos vai fazendo o seu caminho. E depois de Lisboa, Palmela fica neste roteiro de divulgação do muito que o México tem para descobrirmos.
Falamos de  “Chapulines - Grupo Folclórico Mexicano  como se denomina esta formação que tem como objectivos difundir a música, os trajes, as danças regionais daquele país da América Latina.
E se existem aspectos curiosos neste grupo um deles é o seu surgimento relativamente recente em Lisboa, composto não apenas mexicanos, residentes na capital lusa, mas igualmente pessoas de outras nacionalidades que partilham das mesmas paixões pela música, a dança e as tradições culturais de um povo e país como o México.
 
Um segunda nota merecedora de destaque é o próprio nome dado ao grupo folclórico mexicano, sedeado no Centro InterculturaCidade, em Lisboa. Chapulines  ou seja  «El chapulín, en lengua náhuatl significa “insecto que brinca como pelota de hule” ou melhor dizendo trata-se de "un saltamontes"  muito representativo na cultura mexicana. Depois, bom é a sua génese muito na base das vontades e entrega ao projecto por parte dos seus elementos a começar por  Paulina Ceballos, profesora de danza com formação em Ballet folclórico e que foi buscar inspiração, força, técnica a " Los Rancheros", em Roma quem diria ! Aí se cruza com a sua mentora Susana Moraleda que, assina as coreografias que o Grupo Folclórico Mexicano em portugal apresenta !!!

Ah mas um grupo, como facilmente se depreende, é sinónimo de um conjunto de pessoas que partilha, um mesmo ideal ou objectivo e aí surgem os membros, como Gonzalo Guzmán, Armando Aguilar,
Karim Askar, Rasha Bahtiti, Katy Elias, Nancy Estrada, Carlota Garza, Rafael Mejía, Adriana Nuñez,
Silvia Ramalho e Iset Vera onde o mais importante não são as nacionalidades ou origens mas sim o passar com rigor, sonoridades, tradições desse tão próximo e tão distante México. Contraditório ?! Talvez mas é por esse desafio que vamos
ver dançar, cantar e encantar, Chapulines - Grupo Folclórico Mexicano, en portugal.

Êxitos ou melhor que "siga su camino el saltamontes ... lo deseamos.

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Música brasileira em destaque nos Latin Grammy 2016

A contagem decrescente para a grande noite de todas as nomeações de "Grammy Latino" já começou... A 19 de novembro em Las Vegas, nos States a Gala trará a satisfação a muitos dos nomeados ao mais alto galardão atribuído à musica que se faz e produz na América latina. E algumas serão também as desilusões por não chegarem ao topo do reconhecimento internacional, independentemente das categorias, dos estilos, das carreiras dos cantores e bandas que aspiram a passar pelo mais iluminado palco do mundo !




A música brasileira tem lugar de destaque igualmente e como é habitual neste magno e mui visto , falado e ouvido evento. Aqui é a música, a letra, as orquestrações ou arranjos que contam sobremaneira mas sob o foco das luzes também a moda, muito glamour, as histórias reais, as mensagens a vários níveis fazem parte da festa. Mas avancemos para dar conta de uma ou duas evidentes notas bem a propósito da 16ª edição dos «Latin Grammy». 


Entre os muitos nomeados pela Academia Latina de Gravação estão Maria Bethânia, Maria Gadú, Lenine, Ivan Lins, Seu Jorge, Jonas Sá, Banda do Mar, Humberto Gessinger, Pato Fu e Zeca Pagodinho, no capítulo do melhor da música brasileira. 

Nas categorias gerais, Julieta Venegas, Ricky Martin, Alejandro Sanz e Juan Luis Guerra são os mais sérios candidatos no quadro dos muitos nomes latinos... a que se juntam na categoria de "Revelação" a  cantora Tulipa Ruiz e a banda Vitrola Sintética, os únicos brasileiros prontos a  saltar as barreiras do "anonimato".  E da MPB ao sertanejo, passando ainda pela música cristã muitas são as expectativas depositadas numa noite de animação e visibilidade mundial. 

E na hora deste lado do Atlântico surgem nomes de uma nova geração de músicos brasileiros como Tulipa Ruiz e Jonas Sá, ainda o apelo radiofônico de Seu Jorge e Onze20. Na categoria MPB se inclui um tributo a Dorival Caymmi (“Centenário Caymmi”) bem como os ousados álbuns de Gadú (“Guelã”) e Lenine (”Carbono”). Na categoria de melhor canção brasileira contam Diogo Nogueira e Hamilton de Holanda (”Bossa negra”), Malta (“Diz pra mim”), Banda do Mar (“Mais ninguém”), Lenine (“Simples assim”) e Bebel Gilberto (“Tudo”). Dizer ainda de "Djavan" que  será o único brasileiro homenageado este ano através do "Premio à Excelência Musical"  no meio de um variado grupo que inclui artistas de Espanha, Cuba, Argentina, República Dominicana, Uruguai, Porto Rico, Chile e Venezuela.
 
Novos, reincidentes, vencedores ou candidatos a um lugar no palco sob os muitos focos de luz conta se um sem número de artistas, bandas, compositores, músicos, designers que a festa latinoamericana vai muito para lá da música que se ouve nas radios, têvês e outros media...

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

“Travesía Elefante” faz-se com MANU da BANDA


O novo de Manu da Banda está aí e chama-se “Travesía Elefante”

Uma "travessia" na versatilidade cultural, rítmica e sonora dos diversos lugares de 5 continentes que o vocalista e fundador (Manuel Prieto) já percorreu aí está novo CD de Manu Da Banda.





Pode mesmo apelidar-se de “Sonido Emigrante”, este trabalho que nos traz uma mistura de forças, qualidade, alegría  traduzidas na cumbia no reggae e no "power del Ska " daí resultando um estilo musical muito próprio de MANU da BANDA que inevitavelmente conquista e envolve o público nesta verdadeira festa de sabor, força e elegãncia.

“Travesía Elefante” espelha o desejo de todo o músico-viajero (de mochila y guitarra às costas) em Gira para  conhecer o mundo, os vários “sonidos”, as diferentes propostas musicais e no caso atravessadas que foram a AméricaLatina, Oceanía, Asia, Europa até chegar a essa mui rica e contagiante  sonoridade africana.

Este “Travesia Elefante” em pré-venda conta com a participação de nada menos que 10 músicos e con todo o sabor de la cumbia-reggae, graças à  colaboração de Joe Vasconcellos, Fran Valenzuela, Juan Ayala, Ismael Oddo, Andres Perez y a producción musical de Misha y Andrés Celis.

O primer LP com chancela MANU Da BANDA tem esse nome a reter na nossa memória 
“Travesía Elefante”. Então boa viagem !

Empresas ribatejanas procuram mercados latinos

Novembro empresarial na América Latina é bem se pode dizer o que está inerente à iniciativa que o Nucleo Empresarial de Santarém tem em preparação.
Um conjunto de empresários ribatejanos vão estar de visita à Colômbia e ao Chile, no âmbito desta missão empresarial que a Nersant está a organizar para o período de 1 e 8 de novembro.

De acordo com a organização esta iniciativa poderá constituir uma excelente oportunidade para as empresas da região iniciarem e aprofundarem as suas relações comerciais com estes dois mercados", Isto depois de uma "análise a novos mercados e oportunidades de negócio para as empresas portuguesas" explica a nota de imprensa da associação empresarial.
"Esta é uma missão empresarial não sectorial, na qual as empresas participantes poderão beneficiar de financiamento no âmbito de um projecto aprovado no Portugal 2020 e prevê a realização de reuniões institucionais, visitas técnicas e reuniões com empresas locais, potenciais clientes, parceiros ou fornecedores", acrescenta ainda a nota informativa da Nersant.
De referir que a Colômbia é a terceira maior economia da América Latina, e apresenta-se com um cariz aberto e liberal, com uma trajectória sustentada de crescimento acima dos 4 a 5% muita acima do que se perspectiva para Portugal e os diferentes países europeus. Esta área "funciona como plataforma para os mercados que integram a Aliança do Pacífico (Chile, Colômbia, México, Peru e Costa Rica), entre os quais há livre circulação de mercadorias, capitais e serviços", acrescenta a Nersant.
Já o Chile, "com um desempenho económico bem-sucedido nos últimos 25 anos, é actualmente considerada a economia mais rica, estável, aberta e integrada da América do Sul, oferecendo atractivas oportunidades de negócio para as empresas portuguesas na óptica das exportações e do investimento".

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

TXARANGO para dar a vuelta al mundo ...

Dar a volta ao mundo ! Dar-lhe cor, sem esquecer o coração o que na verdade faz toda a diferença. A vida tem de ser vivida com esperança e alegria ... Um rumo é o que precisamos neste planeta e colocar todos a trabalhar para um verdadeiro futuro e para todos !


É ou sempre foi aliás, com este espírito de espalhar alegria, de contribuir para um olhar o mundo à nossa volta na procura de soluções para um futuro risonho e partilhado que os TXARANGO iniciaram a sua actividade no já distante inverno de 2010. Uma maqueta com apenas duas canções foram o principio da construção de um grupo alegre, dinâmico onde a música traz as suas influências, transmitindo as cores de uma paleta multicolor de que e feito este planeta. Certo, certo seria uma primeira Gira e um conquistar de palcos e públicos nos mais importantes Festivais  da Catalunha (de onde e originária a banda) e de Espanha de um modo geral.  Maturação, crescimento, afirmação, energia as notas que ficariam agregadas ao primeiro trabalho dos TXARANGO já em pleno 2012 e que traria reconhecimento nacional e internacionalmente no ano seguinte sendo "Bienvenidos" em toda a parte. Merecidamente vários galardões ditariam a chegada dos TXARANGO ao mundo da música como verdadeira "Revelação" e até disco do Ano que a Radio se encarregaria de divulgar.

Como Catalães que são os TXARANGO assumem-se como defensores e promotores da "língua mater" o que lhes vale o contacto e conquista de públicos jovens e também de diversas idades ou tivessem sido rostos da luta contra o cancro cujo ponto alto seria o tema inédito "Som Persones" trilha sonora que integrou a Maratona solidária  da TV3. A televisão e um concerto ao vivo na Catalunha seria um dos mais importantes marcos na ainda jovem mas exitosa carreira da banda Catalã... E Manu Chao e os Che Sudaka seriam os "padrinhos" do disco "Mundo Nikosia"  album editado faz agora dois anos e que faz parte da acção "Solidária" dos TXARANGO  para causas diversas e nobres.

«SOM RIU» chega em 2014 e promove-se até aos dias de hoje nos mais diferentes países e nos variados palcos, sejam cidades ou festivais nessa Europa a que é preciso dar um rumo, com o coração e a alegria no ar... Somos un rio que siempre avança, de la guerra haremos danza ! 

Son los TXRANGO en la vuelta al mundo que empieza con mucho más que la musica!


*Portugal também entra nesta volta ao mundo com TXARANGO

sábado, 29 de agosto de 2015

"Meu Canto" é impar e tem assinatura de UXIA

UXIA vem não tarda a Lisboa e traz na bagagem  "Meu Canto". 

Um espectáculo único e o reencontro com um conjunto de temas fundamentais do vasto e rico repertório da cantora gallega. Ah mas "Meu Canto" não é apenas o apreciar da doce e limpa voz de Uxía mas também uma outra abordagem dos temas interpretados pela cantora, desta feita se artifícios musicais que colocam em destaque a voz e as letras das canções cantadas como só Uxia sabe fazer.

Uxía tiene una voz hermosa y serena que huye del virtuosismo exhibicionista y se hace transparente, para mostrarnos una artista madura, que comprendió que no hay nada más sofisticado que lo esencial y que la voz es el único instrumento que nunca miente" diz -se e comprova-se como nunca neste "Meu Canto".
 
"Meu Canto "
explica Uxia porque a maioria das canções contém a palavra "Canto" que é por assim dizer uma reflexão sobre o acto de cantar, com todas as emoções que essa atitude gera e a voz na sua mais pura essência ...De referir que este trabalho foi gravado nos estudios da editora «Biscoito Fino» no Rio de Janeiro no quadro de uma das várias deslocações da cantora galega por esse mar/mundo fora. E como se estes laços com o país, a cultura brasileira e a música, a boa música sublinhe-se, não fossem o bastante para tornar este trabalho único... ainda se contabilizam a produção do prestigioso músico Jaime Alem  (productor de Maria Bethânia) e o talento e cumplicidade do virtuoso instrumentista Sérgio Tannus que tem feito parte da "Gira" de Uxia palcos fora. Um outro elemento a juntar a toda esta "reliquia" a participação de Lenine en « Os Teus Ollos» o que traz garantías de que palabras e músicas emanam sempre do mais profundo e íntimo do seu ser, de sua alma. Este é o "nosso" Canto !

























Mas é igualmente o encanto da cantor gallega durante nada menos que vinte cinco anos de uma carreira artística, que convertem Uxia numa das mais belas vozes e uma das mais populares e prestigiadas interpretes em "lengua gallega". 

A música tradicional, com um tratamento inovador fazem de Uxia uma voz a escutar sempre e com a maior das atenções. Ela não é apenas a "Gallega Cantante" mas antes a expressão de um povo que canta desde tempos imemoraveis e cujo património não se pode perder muito menos quando um dos mais belos instrumentos são a a propia voz, o próprio canto traduzidos neste "Meu Canto".

Uxia apresenta-se no Teatro São Luiz a 26 de Setembro, num espectáculo que Lisboa não pode deixar de partilhar... 

terça-feira, 28 de julho de 2015

Chico Trujillo anima Lagoa


CHICO TRUJILLO está de volta ao luso território ...

A contagiante música com "sotaque latinoamericano" se assim se pode dizer, "entranha-se" entre estes latinos que também nós somos e desta vez quem melhor o poderia fazer que a banda Chico Trujillo que é de facto uma das maiores referências da world music e evidentemente da música latina. 

O encontro faz-se no Festival que Lagoa e o Algarve acolhem este Verão. E depois do FESTIM que animou as quentes noites da zona centro do luso território, além da fugaz passagem pelo B.Leza tendo por cenário o Tejo e a sua altaneira ponte, chegou a vez do sul receber todos este som e alegria !

CHICO TRUJILLO sobe ao palco em Lagoa a 14 de agosto, numa noite mesmo a Não PERDER !!
E razões não faltam. Desde logo porque estaremos perante um "ChATITO" trabalho que é o mais recente da Banda latina. Mas contrariamente ao nome do tema e por força daquilo que é a história e performances da banda chilena, este será um espectáculo, concerto ou encontro imperdível porque animado, contagiante, fresco e envolvente com a música de "Chico Trujillo" naipe de artistas que contagiam o ambiente à sua volta...

Esta referência da música chilena muito em particular mas sobretudo latinoamericana e do mundo chega-nos com uma formação a reter dada a particularidade das performances dos diferentes instrumentos e músicos em palco, nesta Gira de apresentação de mais um trabalho dos vários que não nos cansamos de ouvir e ver aqui em Portugal ou numa radio perto de si, em "Gira Latina". 
Uma banda que integra  Juan Gronemeyer (na batería e percussão) Michael Magliocchetti (na guitarra e voz) Tuto Vargas (no baixo) e se me permitem por uma questão pessoal e de sonoridade forte dos metais onde Sebastian Cabezas (no trompete) Luis Tabilo (no trombone) Felita (saxofone), 
Tio Rodi (tb na percussão) e  Macha Asenjo (guitarra e voz).
Este bem se poderá dizer um encontro ou (re)encontro com a Cumbia chilena, com esse contagiante mesclado de bolero e reggae, que faz desta uma das bandas latinas mais populares e solicitadas, acrescente-se não apenas na américa latina ou na europa mas sim em todo o mundo onde chegam as sonoridades e as performances dos " Chico Trujillo" em palco ...

Um prazer e privilégio é mesmo esta Gira 2015 por Espanha e Portugal a contagiar todos os amantes da boa música !!  

Chico Trujillo em Lagoa, Algarve

Danças do México ao norte de portugal

A Companhia Nacional de Dança Folclórica do MEXICO sobe aos palcos em Portugal. É o Verão e o que este período do ano nos proporciona com festas, festivais e eventos do mais variado tipo um pouco por todo o luso território. Poderia até dizer-se que depois da descoberta de outros valores e países, parece ter chegado o momento ainda que ténue, lento e sem grandes euforias da "descoberta" dos valores e da cultura latinoamericana que está a acontecer por cá... nuns locais de forma mais evidente que noutros ....
 

Desta feita (e já não é novidade nem caso único) a região mais a norte, mais próxima até de "nuestros hermanos" e do que de mais comum existe entre vizinhos, é o Minho que tem o "privilégio" de ficar a conhecer e desfrutar das danças, sonoridades e performances desta emblemática referência da cultura mexicana que é a "Companhia Nacional de Dança Folclórica".
E explicamos por que assim é, bastando para tal esse exercício de recuar no tempo, qualquer coisa como quatro décadas e ao então "Ballet Folclórico do México". Decorria o ano de 1975 altura em que o grupo foi criado sob orientação da "Dirección General de Educación Tecnológica Industrial...ou se preferirem a Secretaria de Educação Publica, daquele pais latinoamericano.

A sua importância e representatividade a que se junta a qualidade performativa e identitária, leva a que essa "agrupacion" receba convites e siga com êxito, mundo fora, em "Gira" pelos mais diversos paises não só do continente americano mas também da Europa.
Desse périplo constam a França, Alemanha, Itália, Suiça bem como a Yoguslávia, a Hungria, o Panamá, as Honduras bem como a Colômbia, o Perú, Chile e ainda o Ecuador e claro está, todo o território mexicano. Um trabalho meritório baseado na continuidade e qualidade profissional que acaba sendo reconhecido em 1984 pelo Instituto Nacional de Bellas Artes y Literatura (Mexicano) que lhe outorgaria a designação que hoje ostenta de "Compañía Nacional de Danza Folklórica".

Espanha e norte de Portugal recebem em 2015 esta colorida e valorosa "agrupacion onde os trajes, as sonoridades, as performances coreográficas e numa palavra a cultura de um povo está reflectida e bem patente nos espectáculos que apresentam, nomeadamente em Barcelos e Ponte de Lima e no quadro de Festivais de Folclore de cariz internacional.
Pena é que passem mais ou menos despercebidas estas fugazes incursões por território luso...mas felizmente que acontecem para satisfação dos "(re) descobridores de outras culturas e povos -os latinos!

Companhia de Dança Folclórica (Mexicana) em
Barcelos e Ponte de Lima -Verão de 2015

quinta-feira, 18 de junho de 2015

America latina "mostra-se" em Alcântara



A Casa da América Latina (CAL), a Associação Enlaçart – Associação de Amizade Portugal e América Latina, a Câmara Municipal de Lisboa e a Junta de Freguesia de Alcântara organizam a primeira edição do Festival Enlaces – Culturas Latino-Americanas em Lisboa.
O festival acontece nos dias 26, 27 e 28 de Junho, no Alto de Santo Amaro (Alcântara) e a entrada é gratuita.
Da programação constam nomes como o venezuelano Diego Gil Fortul, os brasileiros Duo Passim e Giana Viscardi, bem como o grupo de dança folclórica mexicana Chapulines. Adicionalmente, estão marcadas sessões de poesia Na Oliveira e uma tarde de Tango na Rua, aberta a todos os espectadores.
O Festival Enlaces é uma oportunidade única para conhecer melhor a cultura latino-americana. Ao som da mais genuína música brasileira, mexicana e venezuelana, deguste petiscos e bebidas oriundas de mais de 6 países e aproveite para levar para casa uma peça concebida pelos mais de 10 artesãos em representação dos seus países.

Festival Enlaces
Alcântara entre 26 a 28 de junho

quarta-feira, 8 de abril de 2015

Quilapayun meio século de história do Chile

Quilapayún el grupo musical chileno va a hacer la celebracion de sus 50 años de trayectoria.

El show, de caracter gratuito, se realizará este 25 de abril a las 20.00 horas en la Plaza de la Constitución, reuniendo además a grandes artistas que acompañarán a la banda como Manuel García, Inti Illimani, Álvaro Henríquez y Palta Meléndez.
“Esperamos contar con la participación de los fundadores Julio Numhauser, Julio Carrasco y nuestros compañeros de Paris. Asimismo, contaremos con una propuesta audiovisual y teatral. Queremos que todo esto dé como resultado un nuevo encuentro con el público de Santiago”, señaló el músico e integrante de Quilapayún, Eduardo Carrasco.

 
“Quilapayún es parte de la historia de nuestro país, de nuestro patrimonio cultural musical. Son 50 años de una banda que marcó la leyenda musical en Chile y América Latina. Su creaciones acompañaron los cambios políticos y sociales del siglo XX, y es un honor que hoy los reconozcamos en un espacio público y gratuito”, agregó la ministra de Cultura, Claudia Barattini, quienes apoyan la iniciativa.

El concierto es muy especial, va a tener  “un guión que cuenta la historia emocional, política y aspectos lúdicos del grupo. Vamos a hacer un concierto que pasará por varios matices. Será un homenaje muy intenso” referio Patricio Pimienta, el actor encargado de la puesta en escena, en Santiago de Chile, a 25 de abril...

terça-feira, 17 de março de 2015

Mundo condena Estados Unidos e apoia Venezuela

Unânime e mundialmente repudiada a ingerência dos Estados Unidos na Venezuela, oganizações diversas, Estados , Governos e Paises, movimentos de cidadãos, partidos politicos e comunidade internacional manifestam Solidariedade e Apoio à Venezuela, ao ponto de agendarem acções de rua e outras um pouco por todo o lado. A 19 de abril será realizada uma Jornada Mundial de Apoio à Venezuela que é também pela Paz e Soberania de toda a America Latina.
 
A ameaça do governo dos Estados Unidos de América é uma ameaça contra todos os  povos latinoamericanos e caribenhos e põe em estado de alerta máxima, toda a Patria Grande Latinoamericana, afirmou em comunicado o  Grupo de Trabajo del Foro de Sao Paulo, reunido recentemente na capital mexicana.

«Declaramos que se existe uma ameaça à Segurança nacional e à Soberania da América Latina e Caribe e de todos os povos do Mundo, é  a agressão  imperialista levada a cabo pelos Estados Unidos com a sua busca desesperada em manter a su hegemonía em declive e pelo controlo dos recursos estratégicos do planeta, entre os quais o Petróleo» lê-se no texto do forum brasileiro.

A mensagem considera o decreto presidencial dos EE.UU. "una declaración de guerra que viola la soberanía no sólo de la República Bolivariana de Venezuela sino de toda América Latina y el Caribe, que es una región de paz que mantiene firmes posiciones antimperialistas y anticoloniales".


Elogiamos a decisão unânime tomada pela Unión de Naciones Suramericanas (Unasur composta por 12 Estados/paises membros) de solicitar ao governo dos Estados Unidos a anulação do "Decreto Ejecutivo" e promover por sua vez o diálogo político, com base no respeito pela Soberanía de Venezuela e pela sua Constituição" aponta o documento aprovado em São Paulo, no Brasil.

Os partidos da região que tomam parte neste Forum de Sao Paulo sublinharam ainda no decorrer dos trabalhos e maniffestam no documento de resolução aprovado o seu "firme e inequívoco apoio ao governo bolivariano e chavista que tem como líder o companheiro e presidente Nicolás Maduro".

Na sequência desta reunião, foi ainda decidido convocar a realização de uma Cimeira de Organizações e Movimentos Populares antimperialista do continente latinoamericano para Managua, na Nicaragua, nos dias 20 e 21 de marzo de 2015. A par com esta acção solidária para com a Venezuela e de debate sobre a situação foi igualmente agendada uma Grande " Jornada Mundial de Solidaridade e repúdio contra a intervenção norteamericana na  Venezuela, ater lugar em 19 de abril, sob o lema «Os Povos do Mundo, Unidos com a Venezuela".

segunda-feira, 16 de março de 2015

Toda a America Latina em Lisboa

"América Latina em Lisboa, bem pode ser um sonho tornado realidade neste ano de 2015. A iniciativa com várias componentes permitirá mostrar a diversidade cultural desta região do globo e está em preparação como que colocando Alcântara como "capital latinoamericana" por três dias.

A Casa da América Latina (CAL), Associação Enlaçes – Associação de Amizade Portugal e América Latina, Câmara Municipal de Lisboa e Junta de Freguesia de Alcântara decidiram unir sinergias e realizar o Festival ENLACES – Culturas LATINO-AMERICANAS em Lisboa.


O evento marcado para os dias 26, 27 e 28 de junho tem como "palco" o  Alto de Santo Amaro, freguesia de Alcântara em Lisboa e constituirá uma oportunidade impar para "sentir" os cheiros, "provar" os sabores, "viver" a América Latina com tudo o que isso significa, numa partilha de conhecimento entre nacionais desse vasto conjunto de países, os portugueses e claro turistas estrangeiros,  e isto independentemente das suas origens e do conhecimento sobre essa multifacetada realidade que é a América Latina.

A Gastronomia, o artesanato, as artes plásticas, a música, a dança e a  literatura dos diferentes paises latinoamericanos serão os pilares da programação deste festival multidisciplinar e intercultural, que se espera e deseja grandioso, colorido e animado.

De referir que entre os objectivos do Festival ENLACES – Culturas LATINO-AMERICANAS em Lisboa, estão uma aproximação dos portugueses a outras culturas, promovendo o respeito pelo outro e a integração de imigrantes mas também o conhecimento e contacto com a diversidade cultural latino-americana a que será de aduzir igualmente o contacto com a cultura de origem por parte da comunidade latino-americana (primeiras e segundas gerações).
Não menos importante é a valorização das tradições populares locais e o seu cruzamento com internacionais, uma vez que o "ENLACES" estará inserido no mesmo período de tempo e espaço que a Romaria de Santo Amaro, uma festividade popular e de referência do bairro de Alcântara, em Lisboa. 


Festival ENLACES, dias 26 a 28 de junho 2015
Alto de Santo Amaro em Alcântara (Lisboa)

domingo, 15 de março de 2015

Organizações e paises manifestam apoio à Venezuela

É unânime e consensual a condenação de Obama e da sua politica de afronta ao Estado Bolivariano da Venezuela, por parte das mais diversas organizações internacionais e dos paises e governos que as integram. 
Nas várias reuniões (muitas das quais convocadas de emergência) para analisar a injerência e a desestabilização registada na Venezuela, financiada pelo governo nortemaericano. E de facto de uma forma unânime é não só repudiada a atitude de Obama e do seu governo como é também manifestado apoio à Venezuela e à sua luta pelo desenvolvimento do país, pela Paz no seu território como contributo aliás para um clima de paz, solidariedade e cooperação na America Latina, independentemente das opções politicas de cada um dos Estados e países. 


E en la Union de Naciones Sramericanas (Unasur), no Movimiento de Paises No Alineados (MNOAL) y tan bien la Alizanza  Bolivariana para los Pueblos de Nuestra America  (ALBA), la posicion es de rechazo contra las aciones injerencistas de Estados Unidos (EE.UU.), posicion que el presidente de Venezuela, Nicolás Maduro, agradeció. 
 ALBA y la Unasur expressaram em comunicado, o seu profundo repúdio contra as sancões unilaterais dos Estados Unidos, contra funcionarios venezolanos.

Recentemente, os presidentes e chefes de Estado e de Governo participantes na "III Cumbre de la Comunidad de Estados Latinoamericanos y Caribeños (CELAC)" realizada na Costa Rica aprovaram uma declaração que igualmente
«rechaza las sanciones unilateales de Estados Unidos contra Venezuela»
Em Montevideo, no Uruguay o presidente José Mujica manifesta preocupação com a atitude dos Estados Unidos e reflete em torno desta postura de Obama que «não é apenas contra a Venezuela mas toda a região. E a razão é simples e advém do facto de a independência politica e económica existir em toda esta região» latinoamericana, onde vinga o "espirito franco, solidário e de cooperação entre os povos e paises da região" e até do mundo, na luta pelo desenvolvimento e "pela Paz".

sábado, 14 de março de 2015

Sines e FMM levam-nos a viajar pela America Latina


O Festival Músicas do Mundo já nos habituou ao longo das suas varias edições à apresentação do melhor que América Latina tem em termos musicais. E na realidade bem se poderá dizer que foi a partir do FMM que diversos cantautores e bandas ficaram mais conhecidas dos público frequentador do evento de Sines e sobretudo do público português, que tem sublinhe-se, salvo raras excepções um enorme desconhecimento da muita e boa música que se cria e passa na america latina. E muitos são os países -berço de diversos êxitos, estilos e formas de expressar o quotidiano, de que só muito recentemente se deu conta, por cá no "piqueno" território luso.

Música, muita e boa música contemporânea, feita por uma nova geração de compositores e intérpretes, a maioria dos quais referências nos seus países de origem mas também em todo o "continente" hispano-hablante volta a estar em evidência na 16.ª edição do FMM Sines – Festival Músicas do Mundo, que se realiza em Porto Covo e Sines, entre 17 e 25 de julho de 2015.

E depois dos "Meridian Brothers", "La Yegros", "Ondatrópica" e "Bomba Estéreo", que brindaram o público do FMM com as suas actuações, a viagem pela América Latina do presente, vai prosseguir com uma estreia absoluta em Portugal da chilena Ana Tijoux (que vai estar no sul de Espanha também neste periodo de festivais), da orquestra colombiana La 33, da cantautora argentina Soema Montenegro e da banda mexicana Troker.


E como se o catálogo" não fosse suficiente  ainda haverá um quinto artista, o produtor argentino Chancha Vía Circuito, que regressa a portugal para dar conta do seu novo disco, que será a base da subida ao palco do FMM.


ANA TIJOUX

Falemos então de Ana Tijoux, uma das cantantes ou cantautoras mais reconhecidas em toda a  América Latina, quer pelo seu estilo, irreverência, performance em palco, voz e também pelo facto de ter crescido musicalmente em parcerias com muitos e bons nomes da musica latinoamericana. 

Nascida em Lille, França, em 1977,  Ana Tijoux é filha de pais chilenos que tiveram de se exilar durante o regime de Pinochet.  E das suas raízes fez caminho num grupo hip hop chileno de nome "Makiza" e avançou depois para uma carreira a solo, tendo o seu momento de afirmação, em 2009, com o disco “1977”, inspirado na idade de ouro do hip hop lírico e de protesto dos anos 90. Curiosamente Ana Tijoux vence um Grammy Latino com a colaboração de Jorge Drexler com o seu disco mais recente, “Vengo” publicado em 2014, que viria a ser nomeado para "melhor álbum latino de rock, urbano ou alternativo" na última edição cujo ponto alto é Las Vegas, nos Estados Unidos da America.

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Cantautores Latinos atuam em Espanha

"La Mar de Musicas" ou dito de outra forma será efectivamente "UM MAR de MUSICA(s) com a America Latina no centro de todas as atenções. Tratando-se de um Festival de Verão com uma panóplia interessante de concertos mas tambem onde a Arte, o Cinema e a literatura dos paises latinos têm o seu espaço e tenpo este evento tem lugar em Cartagena, na vizinha Espanha no período de 17 a 25 de julho.
Pascuala Ilabaca homenageia Violeta Parra

E nesta que é já a 21ª edição de "La Mar de Músicas" a programação estará muito focada no Chile. Confirmados, embora o programa não esteja fechado, estão uma série de cantautores e bandas de referência não apenas deste pais de longa história e tradição, sublinhe-se mas de facto de toda a America Latina como será facil constatar. Ana Tijoux, Camila Moreno, Chico Trujillo, Francisca Valenzuela, a que será de juntar ainda Javiera Mena, Melissa Aldana, também a jovem Pascuala Ilabaca que no âmbito tem como referência e ídolo a grande Violeta Parra, além de Manuel García que nos traz de "regresso" o grande Víctor Jara, (em sentido figurado é claro) neste Especial Chile que contará por certo, milhares de adeptos e apreciadores da boa fase que a música do Chile atravessa.

Será tempo de revisitar as duas figuras mais importantes da música e da cultura chilenas, como Violeta Parra e Víctor Jara, homenageados nos concertos que Pascuala Ilabaca e Manuel García vão dar no evento. Dois concertos no "La Mar de Músicas" memoráveis ou quiçá mesmo irrepetíveis. A Não perder por isso mesmo!  
Dizer que nem só do Chile se faz este Festival de Cartagena, já que na senda de outras edições, vão fazer subir ao palco desde a música folk ao jazz, do rap à música mestiça.

De recordar que pelas diferentes edições do "La Mar de Músicas" passarma outros grandes nomes da música latinoamericana e cujo foco foram Cuba,Brasil, Argentina, México, Colômbia e Perú no quadro dos especiais como o da edição de 2015 em que o Chile é o convidado de honra...

"La Mar de Músicas" 21ª edição
Cartagena de 17 a 25 de julho

Obras Documentais apresentam-se em Cuba

Cuba leva a efeito entre 6 e 11 deste mês de março uma mostra de cinema documental que conta com trabalhos de diversos realizadores oriundos dos mais variados paises. A iniciativa que tem lugar de dois em dois anos constitui uma homenagem ao cineasta cubano Santiago Alvarez  e por isso o certame se designa de Festival Internacional de Documentales "Santiago Álvarez “In Memoriam” tendo lugar em Santiago de Cuba. Na edição de 2015participam 60 obras documentais, tanto de criadores cubanos como estrangeiros, sendo o país convidado principal o México.
 
Cinema documental mostra-se em Cuba
Objectivos desta mostra cinematográfica  é  apresentação do género documental no mundo contemporâneo e a promoção e apoio a trabalhos que tragam a público os grandes temas da atualidade, independentemente das suas origens.

Este Festival pretende também render uma homenagem ao grande cineasta cubano Santiago Alvarez (1919-1998), considerado um meste do genero documental e conhecido criador do "Noticiero ICAIC Latinoamerican" espaço  fílmico declarado "Memoria del Mundo pela Organización de las Naciones Unidas para la Educación, la Ciencia y la Cultura (Unesco). 
O certame que se realiza em Cuba é uma organização do Instituto Cubano del Arte e Industria Cinematográficos (ICAIC).De referir que na edição anterior, participaram três dezenas de obras a nivel competitivo e outros tantos trabalhos de carácter informativo, decorrentes de um trabalho de selecção de 234 documentários enviados ao Festival , por realizadores de paises como  Argentina, Brasil, Chile, Colombia, Cuba, Ecuador, México, Uruguay. 

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Republica Dominicana mostra sua cinematografia


Alguma da cinematografia da Republica Dominicana vai passar pelo City Alvalade em Lisboa entre 25 e 28 deste mês de fevereiro. E para que não perca nada do que aí vem, espreite agora a informação que aqui se disponibiliza. Os dias correm depressa e as fitas também ...Ora tome nota!



http://www.c7nema.net/festival/item/43159-lisboa-recebe-mostra-de-cinema-dominicano.html

Estradas do futuro e as Bibliotecas itinerantes

A curiosidade e sobretudo o engenho, que não é apanágio de um só povo tem histórias e realidades que só vistas, pois contadas nem sempre é fácil de aceitar. Vem isto a propósito do acesso à cultura, do Livro, do ensino e até das simples brincadeiras em paises latinoamericanos.

Na verdade esta coisa de se dizer que o mundo se percorre agora pelas "auto-estradas da informação e da comunicação" , que "tudo está à distância de um click", que basta "usar a ponta dos dedos", que a esmagadora maioria da "população já sabe usar a internet", que o "e-mail é a forma mais fácil e cómoda e  rápida de comunicar", de "resolver tudo (ou quase) sem sair de casa", não corresponde à verdade! De facto ou os serviços não funcionam com essa rapidez na resposta, que as comunicações leia-se servidores entopem, que a prática não essa de comunicação por internet para poder cobrar valores exorbitantes de um serviço, pela corrupção instalada, pelas cunhas, os favorzinhos, o uso indevido de autorizações ou não autorizações como aconteceu com a venda de papel comercial pelo BES. Atente-se também no exemplo da "via CTT (correio eletrónico)" por onde os portugueses iriam fazer o seu dia a dia, pagando as suas contas, comunicando com as empresas, arquivando os seus documentos necessários decorrente da gestão diária...Pura ilusão pois não teve o impacto positivo nem de longe nem de perto esperado! Ah e quanto ao IRS utilizado diz-se por milhões de portugueses ...bem como as receitas médicas por via eletrónica, até às comunicações ao nivel dos tribunais (recordam-se da bronca chamada "Sitius" entre Ministra da Justiça e Tribunais!!!) Pois nem tudo que luz é ouro ...já lá diziam os antigos e com toda a razão e sabedoria diga-se! 
BiblioBUS uma realidade crescente nos paises latinos
Também na cultura, em sentido mais ou menos lato os cortes no ensino, no acesso a museus, o decrescimo nas idas ao cinema, o estoiro dos cinemas diga-se encerramento de salas, até dos video-clubes que desapareceram do nosso quotidiano são a prova provada das realidades duras e cruas que  Portugal vive. Mas de facto também no mundo chamado civilizado, os países emergentes ou os ditos desenvolvidos ou em desenvolvimento vivem em semelhança com o que por cá temos e por isso o acesso à cultura é ainda um sonho para muitos e muitos milhares de cidadãos em todo o planeta. Mas a curiosidade e o engenho fazem toda a diferença nos paises latinos e é com exemplos como este que se remata a noticia referente ao acesso ao Livro, às Bibliotecas que se tornam cada dia ou ano mais acessiveis que a Educação está primeiro, pese embora o que cada um quer dela e do seu povo.


o uso do Burro para levar o livro a comunidades rurais, teve êxito em paises latinos
O "Biblioburro"
Em locais onde as bibliotecas itinerantes, móveis ou em carrinhas como aconteceu durante décadas com as da Fundação Gulbenkian, em Portugal a promoção da leitura em comunidades do chamado interior, como na Nicarágua, faz-se por via do Biblioburro" que leva os livros às crianças das zonas rurais.
Na Colombia también existe esta forma de biblioteca itinerante e teve o seu inicio, recorde-se no Departamento del Magdalena (norte de Colombia) quando o professor Luis Humberto Soriano decidiu, recorrer à ajuda de um burro, para levar aos fins-de-semana livros aquelas crianças que não podiam fazer os trabalhos de casa, porque não tinham livros. Uma ideia depois replicada na Sierra Nevada de Santa Marta (norte de Colombia) já no ano de 2006.  
O precedente das Bibliotecas móveis ou bibliotecas em BUS surgiria recorde-se por iniciativa do "Patronato de Misiones Pedagógicas" durante a Segunda República Española, tendo então sido criadas qualquer coisa como cinco mil bibliotecas populares fixas e itinerantes nestes territorios da America Latina

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Carnavais marcados por chuvas e tragédia (no Haiti)

O segundo dia de Carnaval no Haiti fica marcado pela desgraça e o pânico causado entre os foliões e a assistência, às manifestações festivas. Duas dezenas de mortes eletrocutadas e inúmeros feridos é o balanço do Carnaval em Puerto Principe, capital do Haiti. 
Tragédia no carnaval do Haiti
Segundo testemunhos oculares a utilização de um pau para fazer passar um carro alegórico por debaixo de um cabo de alta tensão, terá provocado a morte instantânea a diversas pessoas e a desgraça no Carnaval de Campo de Marte com quase meia centenas de feridos, assistidos primeiro no local e depois encaminhados para os hospitais locais.
O presidente do Haití, Michel Martelly, enviou já mensagem de condolências às familias enlutadas e determinou o fim das manifestações na capital do seu país. 

As chuvas por sua vez pertubaram os desfiles carnavalescos na Bolivia e Argentina, que no entanto não deixaram de ter as cores, a animação e o reviver das tradições neste dois paises da america latina, onde o Carnaval é  vivido de uma forma sui generis e muito intensa, pois nem só de folia à Brasileira se faz esta época do ano!
As sonoridades sambistas animam carnaval uruguayo
Por sua vez em diferentes pontos do Uruguay o Carnaval saiu às ruas com muitos acordes de samba brasileiro, por força da influência do vizinho Brasil. Mas há também as tradicionais sonoridades afrouruguayas com o candombe e os coros murgueros, salpicados de muita critica e humor tão apreciada pelas gentes deste pais. É a multifacetada realidade do Uruguay que faz a diferença dos seus carnavais, tal o peso maior ou menor das tradições e das influências do Brasil, mais sentidas é claro nas regiões fronteiriças.

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Estudar e comunicar em Guarani é para todos

É oficial. O ensino da lingua Guaraní vai passar a fazer parte dos planos de estudo de diversas Universidades quer do Paraguay (onde mais se fala esta lingua) mas também do Brasil e da Argentina.
Guarani torna-se lingua oficial em Universidades do Brasil, Argentina e Paraguay
Na verdade o Guaraní é o idioma oficial do Paraguay juntamente com o espanhol mas também em muitas zonas do Brasil e da Argentina esta é uma lingua muito utilizada pelas gentes locais. Para se conhecer a importância desta forma de comunicar dizer que, mais de 90 por cento dos Paraguayos são bilingues e 57 por cento da população se comunica em Guarani e isto desde 1994, o ano em que algumas universidades introduziram esta língua nos seus estudos académicos. Novo impulso se segue agora com a Facudade de Arquitectura da Universidad Nacional de Asunción (UNA), onde o guaraní será materia académica e haverá seminarios de expressão oral neste idioma. Na carreira de Medicina tambem será utilizado este idioma de forma a que esta ferramenta de comunicação venha a ser uma realidade na comunicação entre os futuros medicos e os seus pacientes. Já na Universidade da Patagonia, situada na cidade de Comodoro Rivadavia (no sul da Argentina), também será ministrado o Guarani no âmbito de um programa introductorio teórico-práctico da língua guaraní na Cátedra Libre de Pueblos Originarios. Igualmente naUniversidade Federal da Integração Latinoamiricana (Unila) no Brasil a lingua "guaraní" será parte da Licenciatura em Letras.

O reconhecimento ao mais alto nivel da lingua Guarani, surge agora reforçado nestes três paises vizinhos, facilitando as comunicações entre os seus povos mas igualmente do estudo desta forma de expressão de uma grande parte das gentes locais.Recorde-se que 2014 marca o ano em que o poema guaraní Sy (Madre) do paraguayo Cristian David López foi galardoado com o Premio Internacional de Poesía Jovellanos o que lhe valeu a distinção do Melhor Poema do Mundo.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Cajamarca " é mesmo o grande Carnaval peruano

Na América Latina vive-se intensamente o Carnaval, uma manifestação popular, colorida, animada e turistica com enormes tradições nos diferentes paises e com caracteristicas muito próprias que diferenciam a festa, de cidade para cidade ou pais para país.

E sem margem para quaisquer dúvidas, CAJAMARCA no Perú é denominada a "Capital do Carnaval Peruano". 

Os desfiles, os grupos populares, com mais de vinte mil participantes, os ritmos, os trajes, a folia carnavalesca durante qualquer coisa como 7 dias, a afluência turistica, aos milhares, vinda de outras partes do Peru ou de outras origens, fazem efectivamente, desta localidade e país uma grande referência da época que se vive - o Carnaval.
O colorido, as enchentes nas ruas de Cajamarca, faça o tempo que fizer, a música, a animação, as brincadeiras mais ou menos participadas, os jogos utilizando as pistolas de água, os balões de água, de tinta ou de outros materiais que dão cor e vida ao mais emblemático Carnaval do Peru, em Cajamarca, em Lima fazem toda a diferença para quem já o viveu ou para quem quer conhecer esta vivência ou realidade em tempo de alegrias.
“Cajamarca, Capital del Carnaval Peruano” assim mesmo se identifica e confirma.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Oruro enchente de tradições e alegria

E na America Latina como é o Carnaval? Poder-se-à dizer que é uma das festividades mais populares, animadas e apreciadas quer por locais quer por  turistas de todo o mundo que a elas acorrem sobremaneira. Vários são aliás os exemplos das tradições e festividades fortemente participadas e diversos são as localidades e países conhecidos pelos seus Carnavais. Cada um com as suas caracteristicas e vivências muito próprias são grandes manifestações de alegria... Na Bolivia nomeadamente é ORURO que se destaca pelas tradições pelas cores, os ritmos, as participações massiças de qualquer coisa como 30 mil participantes entre músicos, máscaras, bailarinas de mais de quatro dezenas de grupos que saem à rua num desfile de mais de 20 horas ininterruptas valendo a esta manifestação o reconhecimento como um dos mais populares e tradicionais da América Latina.


Oruro, na Bolivia celebra então o seu Carnaval, muitissimo colorido e participado onde particularidade maior é o facto dos antigos deuses andinos terem sido renomeados de santos, numa festividade com origem na espanha de 1606, que actualmente tem contornos de grande Carnaval popular.

A Bolivia bem se pode oruglhar desta sua festividade que locais e turistas vivem com admiração e enorme intensidade. Evo Morales o presidente não deixa de marcar presença no Carnaval de Oruro, cantado pelos Kjarkas como "tierra de amor y Carnaval"!